17.11.15

estou com um vazio muito estranho desde ontem. é um vazio de certa forma incômodo, mas ele não doi, ele não pesa, ele não faz necessariamente falta. fiz de tudo, veja, fumei um beck, desenhei no photoshop, tretei no facebook e nada, o vazio permanece, não acho que ele vá ser preenchido. não é falta de comida, comi chocolate. falaram que é falta de comida, mas ontem me entupi de chocolate e nada. bati uma punheta e foi a coisa mais sem graça do mundo.

o que poderia ser esse vazio? pensei que poderia ser a coisa que te faz ter ânsia de produzir escrita, produzir imagem, enfim, transmitir uma mensagem porque poxa, alguém mais deve sentir esse vazio terrivelmente estranho, terrivelmente sóbrio.

em dados momentos parece que ele vai embora. você sente uma vibração estranha a respeito de qualquer coisa assim, sei lá digamos um ônibus passa do ponto ou quase te atropela. toma-se um susto do caralho ou uma raivinha chata tipo 'vou ter que andar tudo isso', enfim, o vazio parece que passa.

não, na real ele ainda tá ali. mas enfim, é difícil perceber isso assim na realidade durante o tempo, mas enfim enfim, a questão é: qual é a desse vazio?

qual é a desse sentimento que nos faz querer inspirar expirar tentar de novo



Tenho uma dor constante. Uma dor que é quase indescritivel, uma dor que nao devia existir.  Posso sentir o contorno do meu coraçao e sinto ele batendo, como que a cada batida ele desistisse mais ainda de bater.
Nao consigo pensar em mais nada, tudo é azul, tudo é cinza, tudo é preto, Descobri que a dor fisica faz me esquecer da dor emocional, e comecei a me machucar. Cortei as unhas para evitar essa tentaçao, mas o vazio continua. Mas esse vazio eu sei de onde vem. Esse vazio esta sendado ao meu lado com um cigarro na mao. Esse vazio Quer me preencher mas ao mesmo tempo esse vazio tem medo de me preencher. Quero me afogar em alcool por que perco a memoria e perco os sentidos e no momento essas sao duas coisas que nao quero.
Eu sei que ele gosta de mim, eu sei que ele quer o que eu quero, mas ele esta preso, esta se impedindo de se aproximar como eu sei que ele quer, e acho que isso é ainda pior do que se ele nao gostasse de mim. Parte de mim não aguenta mais estar sozinha. Parte de mim não aguenta a possibilidade de vivver sem amor. Parte de mim vê mais tentaçao numa faca do que num pedaço de chocolate.
uuuuugggghhhhhh

Um comentário:

klebin klebits disse...

tentei pensar num títuloe não veio nada. que barra.